Poesia – Driblando na Rua

15 Jun de 2010
Driblando na Rua – José A. Linhares

A bola rola
rebola, embola.

A algazarra, a garra,
a farra, o gol na marra

A alegria, a folia,
a magia, a gritaria.

O menino corre.
O sol explode.
O suor escorre.

A bola bate,
rebate, no combate voa.

A vidraça parte,
rebate, no combate voa.

A vidraça parte,
reparte, estilhaça.

Dona Sinhá vem pra rua.
A meninada pára.
O coração dispara.
A fuga. O silêncio.

A bola, o menino,
Os cacos.
Fim de jogo.
Dois a zero.

Artigos Relacionados

1 Comentário

    Jôse Lopes - 11 de maio de 2011 às 01:14

    Amo esse site, muito fofo. bjokas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*
*

mautic is open source marketing automation